O analista de criptomoedas Ben Armstrong listou em um vídeo recente cinco criptomoedas que estão no radar dos traders. Segundo ele, , , , e são as principais apostas dos investidores. Analistas estimam que essas altcoins podem valorizar até 75% em breve.

Conforme afirmou Armstrong, , , MANA, e GRT são as melhores opções do mercado para obter lucros expressivos ainda em julho.

Ethereum: alta de 43%

Sobre a maior altcoin do mercado, a Ether, Armstrong observou que um fator importante para a provável alta, é o lançamento do ETH 2.0.

Segundo ele, o preço da criptomoeda ainda está barato. Portanto, é bom se apressar antes que ela “se torne um ”:

“Você ainda pode comprar Ethereum. Em breve, você poderá colocar Ethereum em um nó ETH 2.0. Ether tem que ser uma garantia de longo prazo para você. Você ainda pode obtê-la a um preço baixo, porque quando ela virar um , todo o jogo mudará”, afirmou.

No que diz respeito às previsões de preço para ETH, o portal de análises FXStreet Team estima que, com a chegada do hard fork London, o Ethereum pode alcançar os US$ 3.000. Considerando o preço atual de US$ 2.100, esta seria uma valorização de quase 43%.

Polygon (MATIC): alta de 60%

Bem Armstrong destacou também o protocolo de cadeia cruzada Polygon como uma criptomoeda com potencial.

Isso porque, de acordo com o analista, por trás de MATIC há uma equipe sólida e a tecnologia do projeto é promissora. Além disso, ele atentou para o fato de que a altcoin já valorizou 5.257% só em 2021.

“Polygon teve muitos desenvolvimentos positivos recentes”, destacou o analista. “O foco de Polygon não é apenas o comércio de tokens de baixo Gas, mas o rápido e robusto desenvolvimento de dApps. Mantenha Polygon em seu radar porque este projeto está chegando no momento certo.”

Quem também está otimista com MATIC é o analista Michael van de Poppe. Em sua conta no Twitter, ele afirmou que a criptomoeda está pronta para uma “recuperação de alívio” cuja meta é US$ 1,60.

Ou seja, esta seria uma valorização de 60% considerando o preço atual de US$ 1.

Decentraland (MANA): alta de 15%

Em terceiro lugar da lista de Armstrong está Decentraland (MANA). Conforme observou o analista, o projeto segue fazendo várias atualizações e inovações.

Recentemente, a comunidade Decentraland votou em uma série de propostas, incluindo uma espécie de plataforma de artes digitais.

“Toda essa criatividade levada aos céus do criptoverso é realmente uma coisa incrível de se ver”, ressaltou.

O preço atual de MANA está em US$ 0,69. No entanto, o trader conhecido como Altcoin Sherpa está estimando que a altcoin pode saltar 15% e alcançar os US$ 0,79 ainda nesta semana.

Uniswap: avanço de 75%

Em seguida, Armstrong falou sobre o Uniswap que, segundo ele, tem chamado muita atenção dos investidores. O analista destacou que o lançamento do Uniswap V3 é a razão por trás de seu otimismo com UNI:

“O principal motivo pelo qual eu escolhi Uniswap como altcoin para observar foi o lançamento do Uniswap V3. A mainnet foi ao ar no início deste ano e, depois de ter sido lançada com taxas mais altas que o previsto, se estabilizou para uma boa atualização geral para UNI”, afirmou.

O analista Adarsh ​​Singh também está confiante em uma alta para o token UNI.

Segundo suas análises, se o criptoativo que atualmente custa US$ 20 romper a resistência em US$ 24, pode iniciar uma alta rumo aos US$ 35. Assim, caso a previsão se confirme, Uniswap registrará uma alta de 75%.

The Graph: alta de quase 74%

Por fim, Armstrong concluiu sua lista de criptomoedas de potencial com The Graph (GRT). O analista destacou que GRT é uma API que se comunica com diferentes blockchains para tornar seus dados facilmente acessíveis.

“A missão de The Graph é habilitar aplicativos de internet que sejam totalmente alimentados por infraestrutura pública descentralizada. A descentralização permitirá que os aplicativos tenham um nível de interoperabilidade sem precedentes”, afirmou.

O analista Crispus Nyaga também concorda com Ben Armstrong. Suas análises sugerem que GRT pode disparar quase 75% em breve para alcançar US$ 1,20.

Contudo, primeiro é preciso que a criptomoeda supere os US$ 0,79. Atualmente, o preço de The Graph está em torno de US$ 0,69. Por outro lado, uma queda abaixo do suporte em US$ 0,55 invalidará a visão de alta.

Por CriptoFácil

Fonte original