© Reuters. Bitcoin sofre impacto de R$ 8 bilhões; o que pode acontecer com o preço?

Nesta sexta-feira (30), cerca de R$ 8 bilhões em opções de () expiraram. A liquidação massiva pode estar por trás da recente correção no preço do BTC.

Conforme explicado pelo jornalista Omkar Godbole, a correção ocorreu no fim do prazo dos contratos de opções da Deribit.

Embora não impliquem necessariamente em queda nos preços, as liquidações massivas de contratos de opções geram grande volatilidade ao mercado de criptomoedas.

Possível causa da correção

Geralmente, o ponto onde a maior volatilidade é vista é o alvo de strike onde há o maior número de opções em aberto com prejuízo. Ou seja, grandes investidores que operam em vendido tentam abaixar o preço para ter o menor prejuízo possível.

Este ponto é chamado de “ponto de dor máxima”, em tradução livre. O preço então é reduzido para ficar mais próximo dos contratos em vendido e, logo depois, volta a subir.

Contudo, isso mudou recentemente. Segundo o trader Altcoin Psycho, a tendência tem sido uma leve queda após as liquidações. Isso pode significar que os preços podem sofrer quedas maiores.

Nesse sentido, se o cenário é aparentemente negativo, o que pode acontecer com o preço do BTC?

Possíveis movimentos

O trader conhecido como Koroush AK, em sua newsletter semanal chamada “Meditações do Mercado”, abordou os possíveis movimentos do Bitcoin.

Para quem busca comprar Bitcoin, Koroush explica que o BTC ainda está 60% de sua máxima histórica. Desta forma, há muito espaço para encontrar boas entradas e aguardar uma possível alta.

Sobre uma possível alta, ele aborda primeiro os níveis de preço mais importantes. Como suporte, a zona de US$ 30.000 se provou forte para o trader, enquanto a zona dos US$ 40.000 se mostra uma potente resistência.

O que pode acontecer é um rompimento dos US$ 40.000, seguido de uma busca até os US$ 45.000. A recente negativa acima dos US$ 40.000, para Koroush, é algo positivo — uma vez que a queda nos preços foi curta.

Ainda segundo o trader, o rompimento fácil do alvo em US$ 36.448,61 foi muito positivo. Caso o BTC sofra uma correção e use esse nível como suporte para se reerguer, um cenário de alta em busca dos US$ 45.000 é possível.

Entretanto, para aqueles que deseja operar em vendido, Koroush sugere que a perda dos US$ 36.000 em uma correção pode levar o BTC até os US$ 30.000. Desta forma, há uma boa oportunidade para operar na queda do BTC.

Por CriptoFácil

Declaração de Riscos: Fusion Media would like to remind you that the data contained in this website is not necessarily real-time nor accurate. All CFDs (stocks, indexes, futures) and Forex prices are not provided by exchanges but rather by market makers, and so prices may not be accurate and may differ from the actual market price, meaning prices are indicative and not appropriate for trading purposes. Therefore Fusion Media doesn`t bear any responsibility for any trading losses you might incur as a result of using this data.

Fusion Media or anyone involved with Fusion Media will not accept any liability for loss or damage as a result of reliance on the information including data, quotes, charts and buy/sell signals contained within this website. Please be fully informed regarding the risks and costs associated with trading the financial markets, it is one of the riskiest investment forms possible.





Fonte original