Em setembro, o Twitter se tornou a primeira grande plataforma de mídia social a adotar gorjetas de Bitcoin (BTC), permitindo que os usuários enviem BTC diretamente para seus criadores de conteúdo favoritos por meio do front-end nativo do site. A empresa também permitiu que os usuários enviassem seu BTC pela Bitcoin Lightning Network para garantir tempos de liquidação quase instantâneos.

Em resposta à pergunta de um analista sobre como as criptomoedas influenciam a estratégia global da empresa, Dorsey disse o seguinte durante a teleconferência de resultados do terceiro trimestre da empresa na terça-feira (26):

“Ela [gorjeta de Bitcoin] permite muito mais velocidade. Ambas as assinaturas de gorjeta são novas. Esses são produtos que queremos ter certeza de que, novamente, começamos pequenos e descobrimos o produto certo que as pessoas querem seguir e estão avaliando todos os dias. E então vamos distribuí-los para mais e mais pessoas e escalá-los e continuar a iterar no produto. ”

Dorsey antecipou que a empresa poderia eventualmente integrar a gorjeta Bitcoin a iniciativas empresariais, como em parcerias com anunciantes na plataforma. O número de usuários monetizáveis ​​no Twitter cresceu 13% ao longo do ano, para 211 milhões em todo o mundo.

No início deste mês, a plataforma de serviços financeiros Square – também fundada por Dorsey – anunciou planos para construir um ecossistema de mineração de bitcoin de código aberto. Na época, Dorsey afirmou que o objetivo da empresa era ajudar a descentralizar ainda mais o Bitcoin para aumentar a resiliência distribuída da tecnologia.

VEJA MAIS:

Direcione seus links para OKEx em artigos, blogs e vídeos, ou coloque anúncio em seu site. O melhor programa de afiliados está na OKEx com comissões de 60%, as mais altas do mercado.

Obtenha seu link agora na OKEx!



Fonte original