Deixe o Bitcoin de lado, temporada das altcoins está prestes a começar novamente, diz trader

A retomada do mercado de criptomoedas, impulsionada pela alta recente do (BTC), está fazendo analistas se debruçarem nos gráficos em busca de encontrar a próxima criptomoeda que pode subir.

Um dele é o trader amplamente conhecido Michaël van de Poppe. Em sua conta no Twitter, o analista compartilhou projeções futuras para o BTC e três altcoins que podem se recuperar.

De acordo com van de Poppe, apesar da alta, o Bitcoin pode retroceder rapidamente no curto prazo.

“Olhando para o Bitcoin, podemos ver que ainda estamos reduzindo. Portanto, o suporte crítico que estamos considerando com o Bitcoin ainda está entre US$ 44.000 e US$ 44.400″, disse.

Segundo o trader, se este nível de suporte ceder, o poderia testar novamente as baixas anteriores antes de começar a subir.

“Não estamos realmente caindo agora. Contudo, acredito que teremos um novo teste dos mínimos e outro máximo mais baixo. Então, começaremos a cair”, disse.

Altcoins

Conforme destacou van de Poppe, esse cenário de queda para o BTC vai desencadear uma nova temporada de altcoins.

“Se isso acontecer, as altcoins provavelmente começarão a disparar, especialmente considerando o fato de que o Bitcoin estará mostrando força, embora esteja em queda.”

Nesse cenário, Van de Poppe acredita que () pode voltar a subir. Ele afirmou que, se o nível de suporte atual da Litecoin, em cerca de UU$ 165, se mantiver, o próximo preço-alvo pode estar acima de US$ 200.

“Estamos fazendo uma mínima um pouco mais alta. Então, este é o rompedor crítico aqui [nível de suporte de US$ 165] para . E, se for esse o caso, podemos continuar fazendo máximas mais altas, mínimas mais altas, nas quais a tendência continua. E então podemos começar a almejar US$ 220 como o próximo nível para LTC.”

Criptomoedas

Outro ativo na lista do trader é o token nativo do Swipe, o . Analisando o par , van de Poppe disse que o criptoativo pode subir depois de quebrar acima dos indicadores de média móvel (MA) de 100 e 200 dias.

“Se estamos olhando para o Swipe, por exemplo, podemos dizer exatamente o mesmo. A parte boa é que realmente quebrou acima da MA de 100 e 200 dias, sugerindo que uma nova corrida de touros pode estar acontecendo.”

Por fim, o analista abordou a solução de dimensionamento (CELR) em seu par contra o Bitcoin. O trader disse que pode subir depois de quebrar acima das médias móveis e testar novamente os níveis de suporte.

“Podemos ver o mesmo sobre o CELR – quebrando acima dessas médias móveis. Mas, o mais importante é testar novamente o nível [em US$ 0,02] como suporte após a grande onda de impulso. Assim, CELR estará pronto para uma nova onda de impulso. ”

Por CriptoFácil





Fonte original