Gráfico de preços do Bitcoin em diário

Gráfico de preços do Bitcoin em diário

O preço do Bitcoin teve fechamento diário acima de US$ 40 mil na última quarta-feira (28) pela primeira vez desde o dia 15 de junho. Nesta quinta (29), a cotação ainda se mantém acima da região com traders observando o movimento.

A faixa dos US$ 40 mil não foi fácil de ser rompida pelo mercado que viu a moeda sendo negociada abaixo desse valor desde maio. No mês de junho, o preço chegou a fechar dois dias acima da marca importante , mas acabou caindo novamente.

Cotação diária do Bitcoin em alguns dias do mês de junho de 2021 a

Cotação diária do Bitcoin em alguns dias do mês de junho de 2021 a

O fechamento do Bitcoin ainda não foi forte, sendo que na Binance ele terminou o dia cotado em US$ 40.019,00. A luta para se manter acima dessa barreira psicológica ainda segue sendo acompanhada pelo mercado que parece ter perdido o medo de novas quedas.

Preço do Bitcoin fecha diário acima de US$ 40 mil em algumas corretoras, mas movimento se sustenta?

No mês de junho o Bitcoin até chegou a fechar o diário acima de US$ 40 mil por dois dias seguidos, mas a queda acabou voltando. Neste mês de julho, agora quase no fim, a cotação da moeda oscilou forte para queda, sendo que no dia 20 fechou em US$ 29.807,35.

O mercado operou por vários dias com “medo extremo”, mas gradualmente viu a confiança recuperar para “Neutro”, principalmente com a cotação do Bitcoin próxima de US$ 40 mil novamente.

Indicador de Medo do Mercado de Bitcoin voltou a ficar neutro após semanas de medo extremo

Indicador de Medo do Mercado de Bitcoin voltou a ficar neutro após semanas de medo extremo

Nesta quinta-feira (29), o preço do Bitcoin ainda oscila entre US$ 40 mil, com o mercado acompanhando atento ao movimento, com uma queda de 2% nas últimas 24 horas no momento da escrita desta. No Brasil a cotação segue em R$ 206 mil, com queda de 2,3% no último dia.

Suporte e resistência do Bitcoin

A principal resistência de preços do Bitcoin está na faixa de US$ 42.500,00, ou seja, há espaço para crescer mais, de acordo com o IntoTheBlock.

Já o principal suporte segue em US$ 38 mil, indicando que será difícil ver o BTC cair abaixo disso nos próximos dias.

Resistência principal do Bitcoin está em US$ 42.500,00

Resistência principal do Bitcoin está em US$ 42.500,00

Vale notar que a alta de mercado do Bitcoin dura oito dias seguidos, o que não acontecia desde junho de 2019.

Fonte: Livecoins



Fonte original